Luiz Araújo As leis mais bizarras do planeta

Hoje o papo é sexo. Olha que coisa mais interessante que encontrei no site do Terra: as leis mais estranhas sobre sexo no mundo. Achei intrigante e muito esquisito. Claro que as leis que protegem a população contra os crimes sexuais são muito importantes, mas existem algumas bem estranhas, que eu acho que devem ser aplicadas muito raramente ou nunca. Mas estão lá, e fazem parte da constituição destes locais. O Brasil até que não é tão bizarro assim...

No Líbano, os homens podem legalmente ter relações sexuais com animais, mas os animais devem ser do sexo feminino. Relações sexuais com machos são puníveis com a morte.

Diz que no Bahrain, um médico pode legalmente examinar a genitália feminina, mas é proibido de olhar diretamente para ela durante o exame. Ele só pode ver seu reflexo em um espelho. Qual será a diferença?

A maioria dos países do Oriente Médio reconhece a seguinte lei islâmica: " Depois de ter relações sexuais com um carneiro, é um pecado mortal comer a sua carne". Hã?

Há homens em Guam cujo emprego em tempo integral é viajar pelo país para deflorar virgens, que pagam pelo serviço. Isso porque, pelas leis de Guam, é proibido virgens se casarem. Esquisito, né?

Relacionamentos felizes e saudáveis

Manter relacionamentos felizes e saudáveis é sempre um desafio, isso ninguém nega. Talvez a atitude mais comum em um relacionamento seja simplesmente se deixar levar. Nos entusiasmamos no começo mas quanto mais nos envolvemos mais nos damos conta das imperfeições do outro e das nossas, e logo nos vemos diante de rancores, carências, conflitos, rivalidades ou um tédio que parece não ter fim.
Sendo assim, temos algumas lições a aprender, que são, ao mesmo tempo, simples, óbvias e difíceis de ensinar: a empatia, a positividade e uma forte conexão emocional. Podemos dizer que estes são os motores das relações mais saudáveis e felizes. 

Para mantermos uma conexão forte, a coisa mais importante , aquilo que realmente se sobressai, o segredo para relacionamentos cheios de amor, mantendo-os fortes e vibrantes ao longo dos anos, é apaixonar-se de novo e de novo a cada dia. Essa resposta emocional precisa se concretizar constantemente.


Hábitos saudáveis para o casal

 Precisamos perceber o que o outro está sentindo através de pequenos sinais. A pergunta inteligente é: 'Você está aí para mim?' É um sentir-se conectado ao outro expressando necessidades e evitando críticas. 
 Gestos como pequenos hábitos de contato que expressam o carinho de um pelo outro se tornam uma via de mão dupla: ao mesmo tempo que ajudam o parceiro a se sentir bem consigo mesmo e seguro do seu relacionamento, lembram você dos motivos pelos quais se decidiu por partilhar a vida com essa pessoa.
Em relacionamentos felizes, cada um procura ter empatia e entender a perspectiva do outro em vez de sempre insistir que está certo. 
Controlar o estresse e as emoções é uma habilidade que pode ser considerada uma atitude simples e passageira. Se você não consegue se segurar sozinho quando a raiva aparece, desvie dela: dê uma volta com o cachorro, vá tomar um banho, leia um bom livro, faça algum exercício físico. Faça qualquer coisa que tire você do foco da raiva.